Magoados são todos os copos de plástico

Magoados são todos os copos de plástico que
guardam cheiros, essências e pontuam
sua sólida displicência em beber
num mesmo recipiente sopa, leite, suco
fazendo a água descer densa como a ausência
fazendo todas as manhãs carregarem o gosto vencido
dos assuntos que não se reciclam
É de se esperar que quem beba sopa, leite, suco
num mesmo copo de plástico também pense que
tudo pode ser sobreposto à vontade
e que a expectativa de vida é sempre menor
do que expectativa em si mesmo
Goladas grandes para quem ainda se importa
um pouco com o gosto mas não está disposto a rever
Lavadas sem detergente para quem quer tirar
os resquícios sem de todo esquecer
Já os copos de cerâmica feitos pelas mãos de Tokai
carregam a vida toda o aconchego
que há em um forno de Noborigama construído
com apego, café e devaneio no topo da serra
aquilo que se bebe é leve
aquilo que se conta se vai
Não há pressa em um copo de cerâmica
desde que haja a pontualidade do chá
e a promessa de que aqui sejamos pessoas
mais tranquilas e que a qualidade de vida
seja maior do que a qualidade
do piso de taco do apartamento em São Paulo
Que venha tudo isso
Seja suco na taça de cristal
ou cachaça na madeira
ainda que tragam uma garrafa de vinho com
a rolha enfiada no meio do líquido
que seja tudo isso
só não me faça ter que beber a vida
pela burocracia que há em um canudinho

Autor: Dindi Coelho

No mistakes just pancakes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s